Psicólogo homem Uberlândia

Homens não são muito de falar sobre seus problemas. Grande parte deles encara como uma fraqueza o reconhecimento de fraquezas pessoais ou emocionais de qualquer natureza. Isso gera e visões deturpadas sobre muitas coisas por parte do homem machista. Um destes preconceitos que surge é contra as terapias. Porém, fica a pergunta: será que os homens realmente precisam dela?

É importante perceber que há uma diferença clara entre os sexos. Enquanto as mulheres tem a necessidade de compartilhar seus problemas e se mostrarem mais emocionais devido a isso, os homens evitam na maior parte as oportunidades de fazer o mesmo. Para não generalizar, temos de levar em conta também o gênero com o qual a pessoa se identifica para algumas coisas em sua vida. Ou seja, a identidade dos sentimentos, se é uma característica associada mais a homens ou mulheres.

Homens costumam crescer aprendendo coisas como serem fortes, terem honra, saber agir e assumir riscos. Essas e outras regras de masculinidade mudam de acordo com o país, mas constituem um conjunto de atitudes e comportamentos encorajados ou forçados pela sociedade aos indivíduos do sexo masculino. A adaptação à esses comportamentos gera benefícios que incluem a aceitação de outros homens, o sucesso em profissões tradicionalmente ocupadas por homens, aumento de status social, auto-estima, acesso a oportunidades com maiores potenciais. Ou seja, há todo um reforço cultural ao culto da masculinidade.